quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Histórias.


Abre amanhã a CASA DAS HISTÓRIAS de Paula Rego, em Cascais.

Confesso que a sua grotesca obra me dói. É daquelas que tem um "filtro" ao primeiro olhar. Espero conseguir, num acto egoista e heróico, olhá-la de frente e sentir a sua essência, sem medo.

Tenho anos para fazê-lo, pelo menos tantos quantos da sua obra vamos poder admirar. Souto Moura deu uma "mãozinha".

3 comentários:

  1. assim vejo a obra dela: com a mesma dificuldade que tu em olha-la de frente!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo

Seguidores

GreenPeace

www.greenpeace.pt